Associação Brasileira do Agronegócio da Região de Ribeirão Preto
Capital Brasileira do Agronegócio

ÁREA DE ATUAÇÃO

Patrocínio Paulista

Patrocínio Paulista: diamantes e agronegócio

Localizada ao norte do Estado de São Paulo, mais perto de Minas Gerais do que da Capital, Patrocínio Paulista carrega no “uai” e no “né” dos mineiros. Aliás, foram eles que desbravaram a região em busca de riqueza. Patrocínio é considerada a terra do diamante. Foram os garimpeiros, por volta de 1830, que se fixaram e fundaram a cidade perto dos rios Sapucaizinho e Santa Bárbara, este último, contam os mais antigos, de onde foram retirados milhares de diamantes, inclusive três com mais de 100 quilates. O garimpo está proibido na região por questões ambientais.

Hoje a riqueza é gerada em suas generosas e férteis terras, próprias para agricultura e pecuária. A agricultura, desde os tempos áureos do garimpo, sempre ocupou lugar de destaque na economia local. Com a chegada das agroindústrias, grandes geradoras de empregos e impostos na cidade, o ciclo da prosperidade se completou. É com orgulho que os patrocinenses falam dos produtos da terra. Uma das mais badaladas cachaças da atualidade é produzida em Patrocínio. Olhe no rótulo, pede o prefeito José Mauro Barcelos. O leite mais consumido na região também é produzido lá. Grande parte do couro usado para produzir os famosos calçados de Franca vem dos 300 curtumes da cidade, que abriga a sede de uma grande empresa de suplementos para ração animal. Isso sem falar do açúcar e do álcool que rompem as fronteiras da cidade, do estado e do Brasil.

O novo orgulho veio com a nota que os alunos da rede pública municipal obtiveram na Prova Brasil. A educação municipalizada usa apostilas do governo e aposta na qualidade de seus professores. O sonho é implantar o período integral para todos os alunos. Por enquanto, um forte impulso acontece na área de inclusão digital, com salas equipadas e profissionais preparados para orientar os alunos. A cidade, com cerca de 13 mil habitantes, terá finalizada, até o final do ano, a construção de sua estação de tratamento de esgoto. Três novos reservatórios de água também estão em construção, e dois bairros ainda aguardam o asfalto. A iluminação pública passa por reformas. As lâmpadas incandescentes de todos os postes estão sendo trocadas por lâmpadas de vapor de sódio. A saúde, segundo a administração local, é a melhor da região.

O prefeito é médico e faz questão de falar dos modernos equipamentos que estão instalados na rede pública, no núcleo de especialidades, e o melhor, não há filas. A cidade aposta também na prevenção. Está montando seu 5º PSF, Programa de Saúde da Família, este direcionado à zona rural. As cachoeiras ao redor da cidade são atrativos para visitantes e moradores. A mais procurada é a do Estreito. Um turismo ainda pouco explorado na cidade, mas que promete crescer, aliando as belezas naturais aos roteiros de degustação de doces, queijos e cachaças artesanais. A festa do peão, que acontece em julho, é o evento mais esperado em Patrocínio Paulista.


Dados:
Propriedades rurais: ........................................ 667
(498 com menos de 100 ha)
Cana-de-Açúcar: ....................................... 8.300 ha
Café: .......................................................... 3.139 ha
Laranja: 30 mil pés novos e 21 mil pés em produção
Soja: ...............................................................500 ha
Avicultura de corte: ........................ 40.550 cabeças
Suinocultura: ................................... 2.532 cabeças
Bovinocultura
de leite: ................ 2.755 cabeças
de corte: .............. 9.164 cabeças
mista:...................22.398 cabeças

Fonte: Casa da Agricultura de Patrocínio Paulista.

Agosto/2006

Av. Luiz Eduardo de Toledo Prado, 870 - sala. 510 - Iguatemi Empresarial - Vila Golf - CEP. 14027-250 - Ribeirão Preto - SP
Fone/Fax: (16) 3623-2326 - abagrp@abagrp.org.br